Um site do Instituto João Calvino em parceria com o CLIRE

sexta-feira, dezembro 3, 2021

1 Coríntios

1 Coríntios 15.35-58 [Sermão]

Enquanto chegamos ao fim da primeira epístola de Paulo aos Coríntios, pense na batalha que os missionários tinham no Império Romano no primeiro século.

1 Coríntios 14.21-22 [Sermão]

Vocês já experimentaram uma ocorrência rara na historia das Igrejas Reformadas do Brasil. Não é algo que você vai ouvir cada domingo – seu pastor falando em línguas. Mas isso foi exactamente o que eu fiz. Mas as palavras que eu dizei provam a verdade dessa frase: “O que fala em outra língua a si mesmo se edifica, mas o que profetiza edifica a igreja" (1 Cor. 14:4).).

1 Coríntios 13.01-13 [Sermão]

1 Coríntios 13 é uma das passagens mais amadas na Bíblia – e o mais popular texto lido nas cerimônias de casamento. Mas amor, na mente de Paulo, não é limitado ao relacionamento romântico entre homem e mulher; é na verdade o mais importante, definitiva, característica do Cristão.

Categorias

- Advertisement -spot_img

NOSSO BOLETIM

Recebe no seu email notícias sobre nossas últimas publicações.

- Advertisement -spot_img

Talvez você queira lerSermões
Recomendamos os artigos abaixo

Juízes 04.01-24

Quando a questão do papel das mulheres na liderança da igreja tem sido discutida nos últimos cinquenta anos mais ou menos, o nome de Débora geralmente é mencionado. Débora era profetisa; ela era juíza em Israel; ela encomendou a Baraque para liderar as forças israelitas contra seus opressores. Muitas vezes quando alguém afirma que as mulheres devem ter o direito de assumir a liderança na igreja, é Débora que é apresentadao como exemplo dos direitos das mulheres.

Mateus 18.21,22 [Sermão]

A pergunta do Apóstolo Pedro é uma consequência do ensino de Jesus nos vs. 15-20. O Senhor ensinou como devemos tratar as ofensas que são feitas contra nós. Ele declarou aos discípulos no v. 15: “Se teu irmão pecar contra ti, vai argui-lo entre ti e ele só. Se ele te ouvir, ganhaste a teu irmão”.

Dia do Senhor 30 [Sermão 02]

É uma grande benção para o povo de Deus participar da mesa do Senhor. Na santa ceia, o Senhor se aproxima de nós com sua presença graciosa para nos relembrar e ensinar, pelos sinais de pão e vinho, que o seu corpo foi entregue na cruz e seu sangue derramado para nos conceder completo perdão dos pecados. Também nesta mesa, o Senhor, por meio do Seu Espírito, fortalece a nossa fé e nos alimenta para a vida eterna.